liberdade

Lábrea: Liberdade para réu que cometeu crime eleitoral

Publicado em

A 12ª ZE decretou prisão em flagrante de Antonio Alves da Costa no município de Lábrea, pois este foi flagrado comprando votos no período eleitoral e antes deste episódio já havia sido detido pela mesma causa. No cumprimento da prisão, foi encontrado dinheiro e armas de fogo na casa do indiciado.

Devido ao término das eleições neste município, a justiça eleitoral cumprindo e concluindo seu dever quanto ao flagranteado em período eleitoral, concedeu a liberdade provisória a Antonio da Costa, o qual ainda responderá pelo porte indevido de armas de fogo, cuja responsabilidade recaiu sobre a justiça comum

Por: Mercedes Guzman

Fonte: Blog Da Floresta